12/29/2009

Bacteremia e Choque Séptico


A bacteremia é a presença de bactérias na corrente sangüínea. A sépsis é uma infecção na corrente sangüínea. Uma bacteremia muito discreta e temporária pode ocorrer quando a pessoa cerra firmemente a mandíbula porque as bactérias que vivem nas gengivas em torno dos dentes são forçadas a penetrar na corrente sangüínea. As bactérias freqüentemente penetram na corrente sangüínea a partir do intestino, mas elas são rapidamente removidas quando o sangue passa através do fígado.

A sépsis é mais provável de ocorrer quando existe uma infecção no organismo (p.ex., nos pulmões, no abdômen, no trato urinário ou na pele). Ela também pode ocorrer em conseqüência de uma cirurgia realizada sobre uma área infectada ou sobre uma parte do corpo onde normalmente ocorre o crescimento de bactérias (p.ex., intestinos). A inserção de qualquer objeto estranho (p.ex., um cateter intravenoso, um cateter urinário ou um tubo de drenagem) também pode causar sépsis. A probabilidade de sépsis aumenta com o tempo de manutenção do objeto.

A sépsis ocorre comumente em indivíduos que utilizam drogas injetáveis. Os indivíduos com comprometimento do sistema imune (p.ex., um indivíduo submetido à quimioterapia antineoplásica) também apresentam uma maior probabilidade de apresentar sépsis.

Sintomas

Como o organismo normalmente consegue eliminar rapidamente pequenas quantidades de bactérias, a bacteremia temporária raramente causa sintomas. No entanto, uma vez a sépsis estabelecida, os sintomas incluem tremores, calafrios, febre, fraqueza, náusea, vômito e diarréia. Quando não tratada rapidamente, a sépsis pode causar infecções em diferentes pontos do corpo (condição denominada infecção metastática).

As infecções podem ser localizadas no revestimento do cérebro (meningite), no saco que envolve o coração (pericardite), no revestimento interno do coração (endocardite), nos ossos (osteomielite) e nas grandes articulações. Em praticamente qualquer local do corpo, pode ocorrer a formação de um abcesso (acúmulo de pus).

Diagnóstico

A sépsis é o diagnóstico provável quando um indivíduo que apresenta uma infecção em qualquer parte do corpo apresenta subitamente uma febre elevada. Um indivíduo com sépsis comumente apresenta um aumento muito acentuado do número de leucócitos no sangue. As hemoculturas (culturas de sangue) são utilizadas para o crescimento e a identificação do microrganismo infectante.

No entanto, pode não ocorrer o crescimento de bactérias em uma hemocultura, sobretudo quando o indivíduo estiver utilizando antibióticos. Também são coletadas amostras de escarro (material expectorado dos pulmões), de urina, de feridas e de locais de passagem de cateter para a realização de culturas.

Tratamento e Prognóstico

Em geral, a bacteremia causada por uma cirurgia ou pela passagem de um cateter no trato urinário não requer tratamento, desde que o cateter seja removido rapidamente. No entanto, antes de serem submetidos a esses procedimentos, os indivíduos com risco de infecções graves (p.ex., aqueles com valvulopatias cardíacas ou comprometimento do sistema imune) recebem antibióticos para evitar a sépsis.

A sépsis é muito grave e o risco de morte é alto. O médico deve instituir imediatamente o tratamento com antibióticos, mesmo antes de ter disponível os resultados das culturas laboratoriais que identificam o tipo de bactéria responsável pela infecção. Um retardo no início da antibioticoterapia diminui enormemente as chances de sobrevivência. Inicialmente, o médico escolhe o antibiótico baseando-se na bactéria que mais provavelmente é a responsável pelo quadro.

Isto depende do local de início da infecção (trato urinário, boca, pulmões, intestino ou outro local). Freqüentemente, são administrados dois antibióticos para aumentar a probabilidade de eliminação da bactéria. Posteriormente, quando os resultados das culturas tornam-se disponíveis, o médico pode substituí-los pelo antibiótico mais eficaz contra a bactéria específica que está causando a infecção. Em alguns casos, a cirurgia pode ser necessária para se eliminar a fonte da infecção (p.ex., um abcesso).


24 comentários:

  1. Oi, meu namorado estava com infecçao nas amidalas e foi no medico fazer o exame de sangue. O medico disseque houve aumento muito acentuado do número de leucócitos no sangue. Disse tambem que esse aumento foi devido ao grande numero de bacterias. ele indicou um remedio para febre e um antibiotico (novo ox) pra eliminar as bacterias - pesquisei esses sintomas na internet e encontrei SEPSE. é possivel que ele esteja com sepse ? e se estiver, essa doença é transmissivel ? E como se pega bacteremia ?

    ResponderExcluir
  2. se seu namorado estivesse septico ele teria sido internado...

    ResponderExcluir
  3. Anônimo7/28/2010

    antes de entrar em pãnico procure entender o que é sepse e bacteremia, ok!

    ResponderExcluir
  4. boa tarde!
    meu filho de 1 aninho teve bacteremia ele tremia ficava com a boca roxa e com listras pelo corpo e febre muito alta 42c. meu medico explicou que a bacteria ficava circulando no corpo ate achar um lugar para se instalar ..
    ele ficou 1 semana internando com sorotepaia e remedois super fortes !! e depois durante uma semana ia 3 x ao dia no hospital tomar medicação .
    foi muito dolirito todo o tratamento ...

    ResponderExcluir
  5. Anônimo9/01/2011

    Oi meu pai morreu de choque setico, ele estava com pneumonia, porem, eestava tomando antibioticos ha muito tempo, a pneumonia sempre voltava, dizem alguns que tantos remedios estavam mascarando as dores e a sepse, pois ele estava apesar de debilitado vivendo normal, inclusive trabalhando, de repente passou mal e morreu em menos de 2 horas com uma parada cardiaca. Isso eh normal? nao teria de ter tido um tempo de internaçao ou pelo menos um sinal grave do que estava acontecendo antes? os antibioticos podem ter piorado o estado dele? Ele era ex usuario de drogas, será que ele pode ter usado algo?

    ResponderExcluir
  6. Anônimo12/16/2011

    BOA TARDE. mEU FILHO DE APENAS 08 MESES TEVE CHOQUE SEPTICO. PRIMEIRO COMECOU COM UMA FEBRE ALTA,QUE NAO PASSAVA COM TILENOL BABY. LEVEI ELE AO MEDICO,FIZERAM UM RAIOX,E CONSTOU COMECO DE PNEUMONIA. ISSO ERA AS 21:00 HRS, A MEDICA DISSE QUE ERA PARA ELE FICAR AQUELA NOITE EM OBSERVACAO NO HOSPITAL, SO PARA GARANTIR QUE NAO ERA NADA MAIS GRAVE. SO QUE,AS 02 HRS DA MANHA,REPETIRAM O RAIOX,E UM LADO DO PULMAO DELE, ESTAVA TODO TOMADO,E OS MEDICOS JA FICARAM MEIO QUE ESPERTOS COM O CASO. AS 05 DA MANHA,O OXIMETRO(SATURACAO,OXIGENIO NO SANGUE)COMECOU A APITAR, E MEU FILHO ESTAVA FICANDO ROXINHO,SEM CONSEGUIR RESPIRAR. OS MEDICOS SE AMONTOVAM EM CIMA DELE,E O PANICO COMECOU,ENTUBARAM ELE,PASSARAM SONDA URINARIA,ORAL, E DOPAMINA. A MEDICA DISSE QUE ERA PARA EU ME CONSOLAR... (OU SEJA,QUE MEU FILHO IRIA MORRER),FOI AQUELE PANICO. ELE FOI TRANSFERIDO PARA UTI,E LA TOMOU MUITA DOPAMINA,DOBUTAMINA,FICOU EM COMA INDUZIDO,TEVE QUE FAZER TRANSFUSAO DE SANGUE,COLOCARAM UM CATER NA PERNINHA DELE,(O QUE OCASIONAU UMA TROMBOSE,COM RISCO DE PERCA DA PERNINHA) TOMOU MUITA HEPARINA,(ATERAR O SANGUE,E DESFAZER O TROMBO),TEVE PARADA CARDIACA E RESPIRATORIA. GENTE,FOI UM SOFRIMENTO. ELE FICOU ENTUBADO,E EM COMA INDUZIDO,19 DIAS,. OS MEDICOS TROCAVAM OS ANTIBIOTICOS, A CADA 72 HRS,POIS NAO PARALIZAVA A BACTERIA NO SANGUE. POR FIM,GRACAS A DEUS,USEI MINHA FE, E MEU FILHO ESTA AQUI HOJE,PARA HONRA E GLORIA DO SENHOR JESUS CRISTO. OS MEDICOS NAO ENTENDERAM MUITO, MAS DA NOITE PRO DIA,AQUELE QUADRO MAIS QUE GRVE, FOI SE DSFAZENDO. HOJE, FAZ UMA SEMANA QUE ELE SAIU A UTI. HOJE ELE ESTA EM CASA E SAUDAVEL GRACAS A DEUS. MAS NAO FOI FACIL. ELE ESTA SUPER BEM, E SEM SEQUELAS NENHUMA. OS MEDICOS NAO ACREDITAM,A PENINHA DELE ESTA OTIMA,O SANGUE,OS ORGAOS,TUDO MELHOR DO QUE TAVA ANTES DE ACONTECER O CHOQUE SEPTICO. NA OCASIAO, EU LIA MUITO SOBRE ESSA DOENCA ARRASADORA QUE MATA EM QUESTAO DE HORAS. MAS EU ACREDITEI NUM DEUS MAIOR, E MEU FILHO ESTA AQUI COMIGO, BEM E SAUDAVEL,PARA HONRA E GLORIA DO SENHOR JESUS.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo8/14/2012

      Oi estou passando pela mesma agonia.Minha sobrinha de 5 meses ja a 11 dias na UTI, um dia melhora no outro piora, mas lendo seu relato fico um pouco mais aliviada, e seu Deus quiser ela vai estar (como seu filho esta) junto de nos logo logo.....

      Excluir
    2. Anônimo2/15/2013

      Quanta ignorância!

      Excluir
    3. creia em DEUS peça com fè e confiança ..poderoso é DEUS prá fazer um milagre

      Excluir
    4. creia em DEUS peça com fè e confiança ..poderoso é DEUS prá fazer um milagre

      Excluir
  7. Anônimo1/11/2012

    Meu marido está com sepse causada pela bacteria pseudonomas. Está há 32 dias em coma, eu já escutei tantas vezes que ele não irá sobreviver que já nem pergunto mais nada para os médicos. Ele está nas mãos de Deus e para ELE não existe super bactéria...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo3/19/2012

      e isso mesmo melhor coisa q vc faz deus pode tudo e nada e impossivel quando entregamos na mao dele deus e maravilhoso e ja fez um milhagre em minnha vida e se vc confiar nele tambem ira fazer um milagre na vida de seu filho e na sua tambem greia somente nele e ele ira t dar vitoria fiq com deus sempre porque ele esta sempre com vc

      Excluir
  8. Boa noite,no dia 20 de marçode 2011,perdi minha irmã com apenas 32 anos ,por causa desta tal de sepcia,no entanto ate hj algo me entriga,o fato de ela permanecer com um cateter por 45 dias concecutivos,ela passava por seçõe de fisioterapia na epoca pelo fato de ela estar com leucemia,ao meu ver acho q ate hj a entrada deste bacteria foi o cateter.

    ResponderExcluir
  9. Anônimo7/27/2012

    quero sabe tem cura

    ResponderExcluir
  10. meu bebe tbm,com um mes de idade foi internado com bronqueolite,que depois de uma semana descobriam q seria sepse pelo motivo da febre naum baixar,ficou 16 dias internado tomando medicaçao na veia(cefepime),hoje graças a Deus ele esta bem mas com uma pequena alteraçao no sistema nervoso e esta em casa,toma gardenal por enquanto...meu unico medo é q essa infecçao volte...
    Se Deus quiser eu naum vou nunca mais precisar ouvir essa ´palavra novamente.
    GLORIAS AO MEU DEUS!!

    ResponderExcluir
  11. Anônimo11/25/2012

    Oi,gostaria de saber qual o medicamento utilizado no caso de choque septico causado por bacterias gram negativas, em estudos encontrei como solução a carbenicilina mas esta parece que não esta mais sendo utilizada, a procura de responder um caso clinico...

    ResponderExcluir
  12. Anônimo4/01/2013

    eu to com um trem no zoio, será que é esse tal de Sepse ou Bacteremia?
    me responde Orgentemente!

    ResponderExcluir
  13. Bem hj está com 3 dias que pedi minha irmã contaminada por essa infeção devastadora que está matando mais que as doença que as leva aos hospitais choque séptico.ela passou 45 dias bolando na UTI insuficiência respiratória hoje vejo que já era a tal enfermidade.
    Usava sonda urinária, foi transqueitomizada, sonda de alimentação, quer dizer morreu por infeção generalizada.
    Será que eu poderia responsabilizar o hospital? Já que ela estava aguardando laudos laboratoriais pra saber porque ela estava lá. Ou já estava com a tal doença? Só respirava com ajuda!

    ResponderExcluir
  14. Bem hj está com 3 dias que pedi minha irmã contaminada por essa infeção devastadora que está matando mais que as doença que as leva aos hospitais choque séptico.ela passou 45 dias bolando na UTI insuficiência respiratória hoje vejo que já era a tal enfermidade.
    Usava sonda urinária, foi transqueitomizada, sonda de alimentação, quer dizer morreu por infeção generalizada.
    Será que eu poderia responsabilizar o hospital? Já que ela estava aguardando laudos laboratoriais pra saber porque ela estava lá. Ou já estava com a tal doença? Só respirava com ajuda!

    ResponderExcluir
  15. Anônimo7/02/2013

    Bom dia !
    Meu pai fez uma cirurgia em 21 04/2012 e em dezembro de 2012 começou a fazer dialise.
    Agora está internado mas de 45 dias e descobriram que ele está com uma bacteria no sangue ?
    A informação que tivemos não é transmisivel,mas temos que utilizar luvas mascara etc.. para proteção dele.
    Como ele adquiriu esta bacteria.
    No cateter ? ou na cirurgia ?

    ResponderExcluir
  16. Anônimo8/14/2013

    Meu pai, esta com esta doença, bacteremia, ele tremia descontroladamente e respirava com dificuldade, foi horrível, colocamos ele no carro, voamos pro hospital, ele falava coisas sem nexo e depois não se lembrava de nada. esta tomando antibióticos fortes e acredito que ele vai melhorar.

    ResponderExcluir
  17. Anônimo10/23/2013

    olha queria saber, aminha cunhada estava de 36 semanas e estava com essa bactéria Sepsis e o medico fez o parto dela assim mesmo, e infelizmente nos perdemos o bebe. Tinha chances que cura essa bactéria na gravides ?

    ResponderExcluir
  18. Anônimo2/11/2014

    Gostaria de dizer,primeiramente entrei aqui, porque perdi meu cunhado considerado irmão com 29 anos deixando minha irma com 3 filhos, ha menos de 2 semanas. Entendo sim que ninguem morre sem ter a hora certa, mas acredito que na maioria das vezes oque existe é muita inegligência e falta de respeito com os ser humano. Ele morreu em menos de 30 dias, os médicos parecem esperar a morte quando se fala em sepse. Moro numa cidade no interior de S.P.infelizmente o hospital que ele estava parecia pior que o SUS.que talvez se estivesse la, nao teria tido o final tao dificil que teve.

    ResponderExcluir
  19. Anônimo4/14/2014

    o tratamento é doído porque os aNTIBIÓTICOS SÃO APLICADOS NA VEIA E DOI MUITOOOOOOOOOOOOOOOO

    ResponderExcluir